segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Tamanho 44 Também Não É Gorda

Desafio Fuxicando Sobre Chick-Lits - Item 7: Ler um chick-lit cuja primeira palavra do título tenha a mesma quantidade de letras que o seu nome.
Mais sobre o desafio aqui!

Título Original: Size 14 Is Not Fat Eighter
Autora: Meg Cabot
Editora: Galera Record
Tradução: Ana Ban
Ano: 2013
Número de Páginas: 415
Sinopse: A ex-estrela pop Heather Wells está de volta, e como de costume vai se envolver em uma perigosa investigação. Ela é inspetora de um dormitório feminino da universidade de Nova York, e está acostumada com festas e brincadeiras estranhas das estudantes. Quando jovens começam a aparecer mortas no dormitório, Heather acha que pode ajudar, como já fez no passado. Mas quem está por trás desses assassinatos fará de tudo para se proteger e uma inspetora gordinha não ficará em seu caminho.

Opinião da Jéssica

Mais uma vez Heather Wells me encantou com seu jeito leve e engraçado de ser. Como eu disse na resenha de Tamanho 42 Não É Gorda essa é uma série de chick-lits incomum pois, a história é leve e trata de assuntos para mulheres mas não nos faz gargalhar de rir. Só que isso não é um defeito! É uma qualidade. Afinal, essa série fala sobre assassinatos. Não dá para rir disso.
Tamanho 44 Também Não É Gorda continua com a mesma linha do primeiro volume: os mistérios envolvendo o Alojamento da Morte (ops, conjunto residencial estudantil). E a protagonista, Heather Wells, não consegue ficar sem investigar a morte de uma líder de torcida muito popular da Faculdade de Nova York. Heather é uma ex cantora pop que perdeu tudo (dinheiro, mãe, empresário, namorado e carreira) e ganhou alguns quilinhos. Agora ela veste tamanho 44, trabalha como diretora-assistente do alojamento da faculdade e mora com Cooper, sua paixonite que não está nem aí para ela. Ou está?
Nesse livro quem aparece morta em circunstâncias trágicas é Lindsay Combs. E esse mistério está muito mais elaborado que o do primeiro livro. Há mais suspeitos e a forma que ela foi morta é assustadora e surpreende a todos. Até o leitor! Heather está tendo mais dificuldade em encontrar o assassino. E agora sua busca envolve o mundo do tráfico e gente perigosa! Cooper como sempre não consegue ficar longe de Heather e a ajuda na investigação como possível. Mas confesso que senti falta dele nesse livro. Ele aparece pouco e o último diálogo deles no final do livro me deixou triste e esperançosa ao mesmo tempo.
Os personagens secundários apareceram aos montes nesse livro. Jordan está de casamento marcado, mas como sempre continua se arrastando atrás de Heather e está mais engraçado que nunca. Tom, seu novo chefe, é um fofo e muito amigo de Heather. Reggie é um traficante de drogas que vive na rua dela e os dois tem diálogos adoráveis! E agora apareceu o pai dela, Alan, que estava preso e agora que está solto pede abrigo a filha. De início fiquei apreensiva. Ele me pareceu muito aproveitador e de certa forma ainda é, mas na verdade ele já me conquistou pois tem um imenso carinho pela filha e isso é tudo que ela precisa em sua vida. Outro personagem que me ganhou nesse livro foi Gavin McGoren! É um aluno jovem e descolado que está mais próximo de Heather e está até gostando dela! Sinceramente, torci para que ela desse uma chance para ele. Pois não é todo dia que alguém tão bacana se interessa por você. Mas calma! Ainda torço mais para o Cooper. Só que a relação deles ainda está bem enrolada. Espero que nos próximos livros eles resolvam agir!
Em Tamanho 44 Também Não É Gorda nossa protagonista adorável se envolve em tanta confusão que no final ela merecia um prêmio. Porque o que ela passou para descobrir os criminosos desse homicídio não é brincadeira não! O final é surpreendente e deixa um gostinho de quero mais! Recomendo a todos essa série leve, descontraída, cheia de personagens maravilhosos e uma história instigante. Meg Cabot é uma diva!

Estrelinhas 

Citações Preferidas

"Ah, que se dane. Então, estou apaixonada por ele, e ele demonstra zero de interesse em retribuir os meus sentimentos. E daí? Uma mulher tem o direito de sonhar, certo?" Heather (pág 62)
"Você disse que me ama
E essa merda não vem do nada
Só vem do coração" Canção de Gavin, composta pela Heather (pág 393)


Outras capas


Livros da série Os Mistérios de Heather Wells



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Últimas Resenhas